quarta-feira, 13 de novembro de 2013

RAPOSAS E LEÕES




           

Ao léu moram crianças e adultos
Numa selva acinzentada de concreto
Vivem com fome debaixo dos viadutos
Provam serem cidadãos bons e retos.

São incontáveis os animais em liberdade
Desfruta o conforto dos seus ancestrais
                  Rugem e parecem sem maldade
Essas raposas têm golpes fatais.

Os pequeninos recebem ingratidões
Suas vidas pesam igual ao vento
Raposas comem juntas com os leões

Todavia, quem paga são os inocentes.